13 de jun de 2009

Oração de Boanerges

O fogo de Deus reduz tudo a cinzas: o que é grande ou pequeno, o que é bom ou mau. A cinza é silêncio, é morte. (Salmo 50, Miserere)


ORAÇÃO DE BOANERGES

Graças, Senhor, porque na minha senda
Abriste uma fonte de saúde
Apara a alma que avança solitária
Carregando a sua cruz!

Derramaste consolo e esperança
Sobre os que sofrem mais do que eu...
Se eles voltam felizes para a vida,
Que importa a minha dor?
Levar a paz ao que morre de angústias
Levar a vida ao que se vê morrer,
Ó, Senhor, é a glória que Te peço
Se tenho que viver!

Quero ver que de minha pena brota
Um caudal infinito de piedade
Para aqueles que nada nesta vida
Pode consolar!

Aceita-me, Senhor, como uma oferenda
Em troca da paz e do amor
Para aqueles que nunca colheram em sua vida uma flor!

Nenhum comentário:

Postar um comentário